attract all sights around through wearing high quality best fake rolex which brings unique personality. reputable replica watch sites forum watertight wristwatch famed environment. best swiss rolex fake passed down that chic neoclassical trend, but more straight into the cutting-edge substances. uhren replica mens and ladies watches for sale. these https://it.wellreplicas.to/ have attracted thousands of watch addicts. the unique cost appreciate is among features about best swiss replica orologi. shop high quality https://www.montrereplique.to/. welcome to fr.upscalerolex.to shop online. https://www.replicasrelojes.to are commonly replicated on the market. cheap replicas de relojes delivers the heart and soul of the discovery.

logoDesignsite

Poesias tr3zetrintaeum: A Casa na Montanha

agosto 8, 2015 by in category Textos 13.31 with 0 and 0

Livro de poesias que será postado em partes:

Por Ehecatl Matlaktli e Nawi Ollin

INTRODUÇÃO

EhekatI Matlaktli

A casinha na montanha, sombra da vida solitária. Pinta-me de branco sujo. Cães rugem lá fora. Sentimento que abraça o meu corpo na esteira precária. Esqueço-me, perdido nas estrelas que me olham sobre a terra que semeio, perco a existência da hora. Vejo o fim, que apaga sem demora o meio.

A prece é liberada pela boca que me cala. O silêncio torna-se fala. Pensamento de poeta que carrega uma lembrança de a qualquer dia encontrar quem percorre as minhas veias como sangue cor de desejo…Os olhos, além das paredes, vejo…

A casinha na montanha, avessa de deserto. Somente eu, transformado em folha, fluo a balançar no vento. Faísca do fogo eterno na fogueira do meu peito. Estrada primaveril, porta de madeira lapidada de desenhos submersos em cores inexistentes. Entrará pelos meus olhos, certamente, com fúria tempestuosa no inverso da ausência. Sentirei o ventre como o orvalho puro da madrugada. A face amanhecida ao meu lado, um brilho nos olhos fechados, colheita de amor, mais nada.

Sentirei a falta, uma parte irá embora pela rua relevada…

Casinha na montanha, talvez seja só onde permaneço. Sento-me em meu colo, o som vem dos cantos alheios. Ouço quieto e me entristeço. Talvez seja só uma pequena casa e mais nada.

Nawi Ollin

Casa

Quarto

Nada

Sobre a mesa um pedaço de pão

Sobre a cama

Um pó fino

Que é meu corpo cremado

Sobre a alma

É melhor esquecer

Não tenho nada a dizer.

 

Add comment

Desenvolvido por 13.31 ~ 2015